Filme sobre Marina Lima estreia em outubro e filme sobre Claudinho e Buchecha é anunciado

Compartilhar :  

Postado em: 04 / 09 / 2019 [01:54 am]

Prestes a completar 64 anos, em 17 de setembro, Marina Lima permanece em cena como uma das personalidades mais instigantes da música brasileira.
 
O ainda inédito documentário Uma garota chamada Marina entra em cena para (tentar) jogar luz sobre essa cantora, compositora e instrumentista projetada em 1979 no boom que promoveu revolução feminina na música brasileira naquele ano em que os ventos da abertura começaram a soprar.
 
Filme de Candé Salles, Uma garota chamada Marina estreia em outubro na cidade do Rio de Janeiro (RJ), dentro da programação do festival CineOut Jazz, agendado para acontecer entre 17 e 20 de outubro no Planetário da Gávea com filmes, música e gastronomia.
 
Em 17 de outubro, um mês após o 64º aniversário da artista, haverá uma sessão do filme de Candé Salles para convidados. Uma segunda sessão no dia seguinte, 18 de outubro, será aberta ao público.
 
Na sequência, o documentário Uma garota chamada Marina será exibido em canal de TV para assinantes.
 
Já a dupla A dupla Claudinho e Buchecha terá sua história contada em filme. Ao menos foi o que revelou Buchecha em uma postagem em sua conta oficial no Twitter.
 
A dupla Claudinho e Buchecha terá sua história contada em filme. Ao menos foi o que revelou Buchecha em uma postagem em sua conta oficial no Twitter.
 
Claudinho e Buchecha se destacaram na música no final da década de 1990 cantando funks, em sua maioria, com letras que falavam de amor. Entre os grandes sucessos estão "Só love", "Nosso Sonho", "Quero Te Encontrar" e "Fico Assim Sem Você". Claudinho morreu em 2002, aos 26 anos, em um acidente de carro.
 
Buchecha seguiu carreira solo e toca no Rock in Rio no dia 5 de outubro no Palco Sunset. O artista se apresenta ao lado da Funk Orquestra com Ludmilla e Fernanda Abreu.
 
Fonte: G1